Portfólio Vintage: Paul Colin

domingo, março 26, 2017

Paul Colin artista francês de cartazes

Olá pessoal! Como já faz um tempinho que não escrevo sobre essa categoria aqui no blog, hoje decidi trazer o trabalho de um dos maiores artistas de cartazes: Paul Colin.

Paul Colin nasceu em 1892 na cidade de Nancy, França. Desde muito pequeno sempre foi fascinado pela arte. Aos 15 anos de idade se tornou aprendiz em uma casa de impressão trabalhando com tipografia, e aos 18 entrou para escola de artes L'Ecole des Beaux-Artes, em sua cidade natal.

Seu trabalho tornou-se conhecido, depois de desenhar um cartaz para o Théâtre des Champs-Elysees, anunciando a peça Revue Nègre, estrelado por Josephine Baker (cantora afro-americana), com quem mais tarde teve um affair.


Tendo se tornado amante e amigo de longa data de Josephine Baker, Paul Colin desenhou muitos outros cartazes para suas apresentações e gravações, isso a ajudou a promover sua carreira. Josephine, em troca, foi sua musa e inspirou muitas grandes obras de arte que permaneceram populares até hoje.


Apesar do seu estilo altamente pessoal, Paul Colin foi influenciado pelo Cubismo e Surrealismo. Seus desenhos contém elementos do jazz, cores marcantes e ousadas, formas humanas altamente estilizadas ou caricaturadas.


Além de cartazes feitos para o teatro, Paul Colin também produziu desenhos para o ramo turístico, automobilístico e produtos como cigarros e bebidas alcoólicas. Produziu também cartazes para o cinema francês e para festivais e exposições diversas.


Em 1930, Paul Colin abriu a sua primeira escola para as artes gráficas em Paris, onde passou suas habilidades por mais de 40 anos. Muitos designers e artistas gráficos da geração futura, foram beneficiados pelo treinamento dado por Colin.

Paul Colin faleceu em 1985 nos deixando um legado visual de mais de 1.400 cartazes, que continuam sendo referência e inspiração para muitas pessoas.

E aí o que você achou desse grande artista e suas obras?


Acompanhe o blog também em: Instagram | Twitter | Facebook | Pinterest

VOCÊ VAI GOSTAR TAMBÉM:

15 comentários

  1. adoro esse estilo de cartaz antigo, mt bacana conhecer o trabalho desse artista

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Lívia! Eu curto muito também cartazes antigos ^^

      bjus

      Ari

      Excluir
  2. Uma pegada vintage é legal!
    Achei muito interessante!
    grandemetamorphose.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim é muito legal a pegada Vintage ^^ que bom que gostou :)

      bjus

      Ari

      Excluir
  3. Gente que retrô eu sinto vontade de ter esses cartazes em forma de quadrinho no meu quarto. É muito legal!

    Seu blog é lindo é único é cheio de personalidade eu amei!


    www.descrevendonuvens.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jessica, realmente dá vontade de sair imprimindo tudo e colocando pelas paredes rsr

      bjus

      Ari

      Excluir
  4. Não conhecia Paul Colin e amei conhecer. É bem nitidio os elementos de Jazz em todas as obras dele, adorei isso! 1.400 cartazes é uma baita legado e eu nunca tinha ouvido falar dele antes, como assim? Amei
    Um beijo

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que incrível. Nunca tinha ouvido falar dele, e as artes são MARAVILHOSAS. E é bem o jeito que você explicou, ele tem uma mistura mas tem uma identidade que torna único os cartazes dele!

    ResponderExcluir
  6. Gostei do estilo, não conhecia o artista, mas suas obras são encantadoras

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o trabalho do Paul Colin, mas adorei conhecer. E jeito que ele retrata as pessoas são encantadoras. Salve, Paul.

    Beijos
    Bluelline

    ResponderExcluir
  8. Olá! Nossa, que demais os cartazes! Tem um cara que sempre faz cartazes para os filmes de Hollywood (quer dizer, acho que fazia) e meu marido curte muito o trabalho dele, acho que você já deve ter visto algo dele, em cartazes como dos filmes do Star Wars e do De Volta para o Futuro, mas ele já fez muita coisa. Adorei o post! Abraços e sucesso!

    www.pandapixels.com.br

    ResponderExcluir
  9. Fico encantado com o legado que ele deixou, a história.. e como é lindo de ser ver. Mesmo ele não estando entre nós, continuarmos admirando o trabalho dele. Parabéns pela publicação

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Bom, sou suspeita pra dizer que amei, pois amoooo anos 20 e os artistas que despontaram no período, com toda a vibe cubista e Art Deco... Amei em especial a ilustração dele da Josephine Baker <3

    bjs

    Inajara


    www.vintageandgeek.com.br

    ResponderExcluir
  11. Quem não ama uma pegada vintage? Não conhecia sobre, mas achei muito legal, você explorou bastante a publicação, meus parabéns, sucesso sempre!!

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o trabalho dele e gostei da pegada, me identifico como estilo!
    Show!
    bj

    ResponderExcluir

Comentários são sempre bem-vindos e eu vou gostar de saber o que você acha do blog ♥. Mas lembre-se: sem palavrões ou xingamentos. Ah! E deixe o endereço do seu site/blog pra eu poder visitar.

Ari

Portfólio

FAC

Todos os textos publicados são produzidos por Ariadne Rodrigues, exceto quando sinalizado. Todo o material divulgado não autoral (fotos, vídeos, etc.) leva sempre o nome do autor e o link para o mesmo. Se ainda assim algum material não foi devidamente creditado ou não é permitido seu uso, você artista, pessoa pública, site ou empresa entre em contato via e-mail (devoltaaoretro@gmail.com) que o material será prontamente creditado e/ou removido. Não utilize as imagens e os textos feitos pelo De volta ao retrô, sem a minha autorização.

Participo