O lendário mascote da SEGA: Sonic The Hedgehog

quinta-feira, setembro 03, 2015


O fabuloso ícone da SEGA, Sonic the Hedgehog, completou no dia 23 de junho 24 anos desde o lançamento do seu primeiro game para o Mega Drive em 1991. Nesses últimos 20 anos, muitos jogos do personagem foram lançados, entretanto as versões mais antigas são as melhores (Sonic, Sonic 2, Sonic 3 e Sonic & Knuckles), se você não o jogou na época ou quer matar a saudade desse clássico indispensável fica a dica para jogá-lo on-line.


Com o lançamento do Super Nintendo em território americano na década de 90, a SEGA para se tornar competitiva foi forçada a criar um personagem que se tornaria seu novo mascote e encararia seu maior rival no mundo dos videogames: o Super Mario.

Ao avaliar todos os aspectos do personagem da concorrente, a SEGA pôs em prática a estratégia de lançar no mercado um personagem que fosse o oposto do Mario. Esse novo personagem deveria transmitir atitude, estilo e velocidade, ao contrário do encanador bigodudo e gordinho. Com isso em mente e depois de vários esboços e mudanças, Naoto Oshima e Yuji Naka chegaram em Sonic, um ouriço azul, supersônico, de cabelos espetados e super do bem. 


Segundo os criadores os sapatos de Sonic foram inspirados nos que Michael Jackson usou para dançar no seu álbum Bad, a cor azul veio diretamente da logo da SEGA, para criar uma associação direta entre empresa e mascote, e a velocidade para demonstrar superioridade em relação a concorrente e a outros jogos de plataforma no processamento. O visual descolado, moderno e estilo bad boy de Sonic se assemelhava ao público que o game deveria atingir, nesse caso os adolescentes dos anos 90.


A trama do jogo se passa na pacífica ilha do sul, onde Sonic vive com seus amigos, até que um dia aparece um cientista maluco, Dr. Robotnik, e começa a capturar os animais da ilha transformando-os em robôs do mal. Sonic por sua vez, embarca em uma grande jornada para salvar seus amigos e vencer o vilão Robotinik, que deseja dominar o mundo com as Esmeraldas do Caos.


São várias as similaridades entre Sonic e Mario, entretanto o que tornou Sonic diferente foi a sua alta velocidade alcançada no jogo, ver o ouriço passar rapidamente pelos vários loopings das fases é super divertido e até viciante.


Em 2011 na comemoração dos seus 20 anos, a SEGA lançou o Sonic Generations, reunindo o antigo Sonic gordinho ao Sonic magrelo dos games tridimensionais. Sonic é sem dúvida uma das maiores franquias de jogos já inventados na história dos games, tanto por sua qualidade inquestionável quanto pelo marketing que gerou inúmeras vendas de consoles para a SEGA, além de brinquedos, gibis e até mesmo séries animadas.



Acompanhe o blog também em: Instagram | Twitter | Facebook | Pinterest

VOCÊ VAI GOSTAR TAMBÉM:

3 comentários

  1. Eu nunca fui boa com game, mas os únicos que ainda conseguia um pouco além do Mario, era o Sonic.
    Adorei conhecer detalhes sobre a criação do mascote, seu sapato inspirado no do Michael Jackson, amei.
    Casa Cherry

    ResponderExcluir
  2. Oi linda achei bem legal essas curiosidades sobre o sonic sempre joguei e gostava muito,gostei do seu blog vintage amo blogs assim vi seu comenta´rio num blog de uma amiga blogueira minha vc é tj se for também sou ja estou te seguindo aqui te convido a conhecer o meu cantinho..um super bjs
    www.fernandacaterina.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu AMO games até hoje. E esse então, é um clássico! #Infância <3

    Beijos, Pri
    vintage.blogspot.com

    ResponderExcluir

Comentários são sempre bem-vindos e eu vou gostar de saber o que você acha do blog ♥. Mas lembre-se: sem palavrões ou xingamentos. Ah! E deixe o endereço do seu site/blog pra eu poder visitar.

Ari

Portfólio

Fac

Todos os textos publicados são produzidos por Ariadne Rodrigues, exceto quando sinalizado. Por ser um blog de inspiração o material divulgado (fotos, vídeos, etc.) leva sempre o nome do autor e o link para o mesmo. Se ainda assim algum material não foi devidamente creditado ou não é permitido seu uso, você artista, pessoa pública, site ou empresa entre em contato via e-mail (devoltaaoretro@gmail.com) que o material será prontamente creditado e/ou removido. Não utilize as imagens e os textos feitos pelo De volta ao retrô, sem a minha autorização.

Faço parte