Mesinha de centro feita com caixotes de feira

domingo, junho 01, 2014


Já faz algum tempo que os caixotes de madeira deixaram de ser usadas apenas para levar frutas e legumes. Práticos, sustentáveis e baratos os caixotes de madeira dão um novo ar à decoração do ambiente. Agora eles são reciclados e reutilizados e se transformam em estantes, camas, prateleiras, mesas, armários, bancos, sapateiras, criado-mudo, as utilidades são inesgotáveis. Com esses caixotes trabalhados o ambiente fica com um ar rústico e ao mesmo tempo retrô.

No craft de hoje encontrado no blog Solidarium, vamos aprender a transformar caixotes de feira em uma linda mesa de centro.

Materiais:

 - Lixa para madeira
 - 4 Caixotes de madeira
- 2 Tábuas de pallet
- 4 Rodas para carrinhos
- Parafusos
- Furadeira
- Chave de Fenda
- Tinta, ou verniz

Passo a passo

1. Com a lixa para madeira, lixe o caixote. Pinte os quatro caixotes de madeira e deixe-os secar.


2. Depois que a tinta secar, junte os caixotes como na foto abaixo e parafuse um ao outro, se preferir você pode pregar.


3. Agora meça o buraco que ficou ao centro da mesinha, corte um pallet para preencher as laterais e o fundo, logo depois parafuse.


4. Por último, parafuse as quatro rodinhas no pallet, e fixe a armação nos caixotes de cabeça para baixo.


5. Sua mesinha de centro está pronta e super charmosa, decore com pedras ou um vaso de flor. Abuse da criatividade.


VOCÊ VAI GOSTAR TAMBÉM:

0 comentários

Comentários são sempre bem-vindos e eu vou gostar de saber o que você acha do blog ♥. Mas lembre-se: sem palavrões ou xingamentos. Ah! E deixe o endereço do seu site/blog pra eu poder visitar.

Ari

Portfólio

Fac

Todos os textos publicados são produzidos por Ariadne Rodrigues, exceto quando sinalizado. Por ser um blog de inspiração o material divulgado (fotos, vídeos, etc.) leva sempre o nome do autor e o link para o mesmo. Se ainda assim algum material não foi devidamente creditado ou não é permitido seu uso, você artista, pessoa pública, site ou empresa entre em contato via e-mail (devoltaaoretro@gmail.com) que o material será prontamente creditado e/ou removido. Não utilize as imagens e os textos feitos pelo De volta ao retrô, sem a minha autorização.

Faço parte