Faça seu próprio sapato Oxford

sexta-feira, março 15, 2013


Ele é clássico, charmoso, retrô, confortável e vai bem com tudo. Mas de onde surgiu esse sapato?


O sapato Oxford ganhou novas versões ao longo de sua história. É um modelo de sapato fechado de amarrar que apareceu inicialmente na Inglaterra no século 17, usado especialmente pelos estudantes de Oxford, daí a origem do nome.


O sapato se tornou uma febre entre os alunos da Universidade de Oxford, principalmente entre as meninas, e o que antes era usado apenas pelos meninos, passou a ser um modelo feminino.


Antes preto ou branco, hoje, colorido, florido, baixo ou o alto, para o dia ou para a noite, não é só uma tendência, por ser um modelo bem clássico de calçados que acompanhou a evolução da moda se tornou aos poucos um verdadeiro ícone.

Os modelos de sapato Oxford continuam com sua maior essência fechado e de amarrar, o diferencial de cada um está justamente nos detalhes, ora mais afeminados, ora mais masculinizados. Saber da história do sapato Oxford foi essencial para que vocês tenham uma referência visual e façam do jeito que quiser, ou simplesmente seguir o modelo do tutorial.


Agora é importante saber sobre o  tênis que será usado para se transformar em um sapato Oxford. Keds, esse é o nome do tênis que será usado para o tutorial. Famoso pelo estilo simples, confortável e descolado, o modelo mais usado é o branco, que foi desenvolvido em 1916 e chamado de “the Champion”. O keds também foi usado por Audrey Hepburn, Marilyn Monroe ente outros, e constantemente aparece em revistas de moda tais como Vogue e Elle.


Ele ainda pode ser encontrado em algumas lojas de sapato, vale à pena dar uma pesquisada na internet.

Vamos ao que realmente interessa: fazer o sapato Oxford com um Keds.

Você vai precisar de:

- Um tênis Keds ou parecido na cor branca
- Caneta azul solúvel em água para tecido
- Tinta de tecido ou tinta acrílica
- Pincéis
- Pano molhado

Agora siga os passos:

Passo 1 – Use a caneta azul, para marcar no tênis os círculos e linhas ao longo do tecido do sapato. Lembre-se Oxfords têm pontos ao redor deles, marque cada lado dos ilhós e faça os zig zag em volta deles, faça o desenho no dedo do pé, laterais e calcanhar, como mostrado na figura.


Passo 2 - Depois de ter feito todos os círculos e linhas, pinte de bege as pontas dos sapatos, ao lado das rendas e as costas dela.



Passo 3 - Pinte a língua de seu tênis para combinar, e deixe secando totalmente, pelo menos 2 horas.


Passo 4 – Passe um pano molhado em cima das marcas azuis, ele irá remover todas as suas marcas azuis. Deixe secar durante a noite. Coloque os cadarços e você tem pronto o seu próprio Oxford personalizado.



E ai gostou? Então não deixe de compartilhar com seus amigos!
Fonte do tutorial


Acompanhe o blog também em: Instagram | Twitter | Facebook | Pinterest

VOCÊ VAI GOSTAR TAMBÉM:

0 comentários

Comentários são sempre bem-vindos e eu vou gostar de saber o que você acha do blog ♥. Mas lembre-se: sem palavrões ou xingamentos. Ah! E deixe o endereço do seu site/blog pra eu poder visitar.

Ari

Portfólio

Fac

Todos os textos publicados são produzidos por Ariadne Rodrigues, exceto quando sinalizado. Por ser um blog de inspiração o material divulgado (fotos, vídeos, etc.) leva sempre o nome do autor e o link para o mesmo. Se ainda assim algum material não foi devidamente creditado ou não é permitido seu uso, você artista, pessoa pública, site ou empresa entre em contato via e-mail (devoltaaoretro@gmail.com) que o material será prontamente creditado e/ou removido. Não utilize as imagens e os textos feitos pelo De volta ao retrô, sem a minha autorização.

Faço parte