Conheça o restaurante que foi inspirado na Bossa Nova

segunda-feira, dezembro 28, 2015


Derivada do samba e do jazz norte americano, com ritmo calmo e suave, a Bossa Nova foi um movimento da música popular brasileira do final dos anos 50. O gênero foi fruto de encontros de um grupo de músicos da classe média carioca, em apartamentos da zona sul do Rio de Janeiro. O ritmo da Bossa Nova é marcado por temas coloquiais, de amores e de exaltação pela natureza, cantados em voz mais baixa e calma. Com o sucesso das canções, o estilo não tardou a ultrapassar nossas fronteiras, foi facilmente assimilado e tocado por grandes músicos nos Estados Unidos.

Uma das músicas mais conhecidas e marcantes da Bossa Nova foi “Garota de Ipanema”, composta em 1962 por Vinícius de Moraes e Antônio Carlos Jobim. Foi justamente essa canção que serviu de inspiração para a designer Nathalie Kowalczyk elaborar o conceito e toda a identidade visual do restaurante Bossa.

Segundo Nathalie, Bossa é um restaurante que comemora a idade de ouro da música Bossa Nova. Além do estilo musical brasileiro, o restaurante é influenciado também pela gastronomia do Brasil. Por sua vez, o ambiente apresenta uma decoração inspirada pelos anos 60, que é equilibrada entre o clássico e o moderno, e entre o alegre e elegante. Confira o resultado dessa fusão gastronômica e musical:

 


Acompanhe o blog também em: Instagram | Twitter | Facebook | Pinterest

VOCÊ VAI GOSTAR TAMBÉM:

0 comentários

Comentários são sempre bem-vindos e eu vou gostar de saber o que você acha do blog ♥. Mas lembre-se: sem palavrões ou xingamentos. Ah! E deixe o endereço do seu site/blog pra eu poder visitar.

Ari

Portfólio

Fac

Todos os textos publicados são produzidos por Ariadne Rodrigues, exceto quando sinalizado. Por ser um blog de inspiração o material divulgado (fotos, vídeos, etc.) leva sempre o nome do autor e o link para o mesmo. Se ainda assim algum material não foi devidamente creditado ou não é permitido seu uso, você artista, pessoa pública, site ou empresa entre em contato via e-mail (devoltaaoretro@gmail.com) que o material será prontamente creditado e/ou removido. Não utilize as imagens e os textos feitos pelo De volta ao retrô, sem a minha autorização.

Faço parte